Mostra de Filmes Imagens e Complexos abre inscrições para seleção de obras produzidas por moradores de favela da cidade do Rio de Janeiro

Mostra de Filmes Imagens e Complexos: inscrições até 31 de agosto

A Mostra de Filmes Imagens e Complexos surge da necessidade de expandir o espaço de exibição e de reflexão das produções audiovisuais realizadas por moradores de favelas, com a finalidade de democratizar e discutir a linguagem e a estética do cinema brasileiro a partir de 30 (trinta) obras que serão exibidas durante 4 (quatro) dias consecutivos na Mostra – que receberá inscrições até o dia 31 de agosto de 2016 por meio do formulário de inscrição.

Premiada na 1ª Feira do Programa Favela Criativa, a Mostra é uma realização do Coletivo Imagens e Complexos em parceira institucional com a Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude do Rio de Janeiro, patrocinada pela Light, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro – numa parceria entre o poder público e a iniciativa privada, para fomentar o desenvolvimento de atividades culturais nas favelas cariocas. Continue lendo

Publicado em Artigos | Com a tag , , , , , , , , | Deixar um comentário

Edital da Mostra de Filmes Imagens e Complexos

Estão abertas as inscrições da “Mostra de Filmes Imagens e Complexos” que acontecerá na última semana de setembro no Cine Teatro Eduardo Coutinho (Cine Manguinhos). Ao todo, serão selecionadas 30 produções audiovisuais realizadas por moradores de favela da cidade do Rio de Janeiro. A inscrição é gratuita e pode ser feita até o dia 31 de agosto de 2016. confira o edital e saiba como participar!

Mostra de Filmes Imagens e Complexos: inscrição até o dia 31 de agosto de 2016

OBJETIVO

A Mostra de filmes Imagens e Complexos tem por objetivo ampliar os espaços de exibição e reflexão sobre o audiovisual produzido por indivíduos e grupos de favelas do Brasil, a começar pelo Rio de Janeiro. Nosso escopo é reunir, exibir, debater e catalogar algumas das produções audiovisuais realizadas por pessoas que moram em favelas do Rio de Janeiro com espaços de debate entre os diretores destas produções, além de pesquisadores sobre o assunto.

Pretendemos discutir a produção audiovisual oriunda destes territórios, pensando de que forma as imagens produzidas pelos favelados complexificam e tensionam o que os próprios favelados pensam sobre a cidade, o amor, a esperança, a própria favela, além de como apresentam suas visões políticas, suas principais temáticas e a escolha de suas linguagens. A Mostra de Filmes Imagens e Complexos privilegia a produção audiovisual da favela e de seus moradores, numa tentativa de olhar de dentro para fora, de suplantar o debate acadêmico centrado nas imagens produzidas de fora para dentro, que enfoca comumente a questão da violência na favela. Portanto, o foco do “Imagens e Complexos” não é a violência, embora, ela possa também estar presente nas discussões e imagens, o que buscamos é a diversidade dessa favela complexa em imagens e temáticas.

As exibições acontecerão na última semana de Setembro de 2016, no Cine Teatro Eduardo Coutinho (Cine Manguinhos), situado à Avenida Dom Hélder Câmara, 1184 – Benfica (ao lado da Biblioteca Parque de Manguinhos). As projeções dos filmes e as mesas de debate serão gratuitas.

SOBRE A SELEÇÃO DAS OBRAS

 Serão selecionadas para exibição 30 (trinta) obras (filmes, vídeos, videoclipes, etc) realizadas por pessoas que moram em favelas do Rio de Janeiro, levando em conta a diversidade dos formatos, temas e gêneros. As obras com conteúdo em língua estrangeira deverão vir com a legenda ou dublagem em português.

A seleção será realizada pela equipe de curadoria formada por 5(cinco) pessoas especializadas nos temas audiovisual e favela.

A decisão da curadoria da Mostra de Filmes Imagens e Complexos a respeito da seleção das obras é soberana.

SOBRE O CATÁLOGO DA MOSTRA

Além das exibições, a Mostra de Filmes Imagens e Complexos irá produzir um catálogo sobre o evento, contendo o registro de todas as trinta obras exibidas na Mostra. Das trinta produções selecionadas pela curadoria, 5 (cinco) receberão destaque, por meio de uma resenha (escrita pelos próprios curadores). Além disso, todas as obras inscritas, que respeitem os critérios de seleção, serão catalogadas nesta publicação (registrando suas informações: nome, sinopse, autoria, ano e favela que representa), bem como local e data de realização.

Este catálogo será lançado um mês após a realização da “Mostra de Filmes Imagens e Complexos”, em evento com local e data a serem definidos. Sua distribuição será gratuita, priorizando os participantes da Mostra. Disponibilizaremos o catálogo para download também na internet.

SOBRE A INSCRIÇÃO

A inscrição é gratuita. A Mostra Imagens e Complexos exibirá os filmes em formato digital. Serão aceitas toda e qualquer obra realizadas com minutagem de até 120 minutos, em diferentes plataformas (celular, smartphone, câmera digital, etc.) e em qualquer formato (web-vídeos, curta-metragem, longa-metragem, videoclipe, experimental, etc), independente do ano de realização da obra. Somente serão aceitas obras produzidas por pessoas ou grupos moradores de favelas maiores de 16 anos (autores menores de 18 anos deverão ter sua inscrição realizada por um responsável maior de idade).

Será preciso preencher um formulário de inscrição e a autorização do uso da obra, disponível no edital (Anexo I). A inscrição só será efetivada se for encaminhada a autorização do uso da obra assinada e a ficha preenchidos.

O proponente poderá encaminhar as obras, a ficha de inscrição e a autorização do uso de duas formas:

 I– Virtual – deverá ser informado o link para acesso ao filme e também a senha, quando for o caso. Nesta situação a ficha de inscrição e a autorização do uso da obra, devidamente preenchidas e assinadas, poderão ser enviadas, digitalizadas, pelo email [email protected].

II– Físico – deverá ser encaminhada cópia em DVD ou outro dispositivo (enviado por correio, para o seguinte endereço: Rua Capitão Jesus, 37, 101. Cachambi – Rio de Janeiro/RJ. CEP 20.775-140. Identificar no envelope: “MOSTRA DE FILMES IMAGENS E COMPLEXOS”) juntamente com a ficha de inscrição e com a autorização do uso da obra, devidamente preenchidas e assinadas.

A mostra exibirá apenas 30 (trinta) obras e, no caso de recebermos um número maior de inscritos, a equipe de curadoria irá selecionar as obras considerando os seguintes itens:

 I. a coerência com os critérios do edital;

II. a sua relevância em relação à proposta da Mostra;

 III. a criatividade na articulação do tema da obra e os usos da linguagem audiovisual;

 IV. o uso do recurso formal em relação à mensagem que o autor deseja passar;

V. a relevância da obra para a sociedade como um todo e, principalmente, para promover novas reflexões sobre as favelas.

PRAZOS

A inscrição e o envio das obras podem ser feitos entre os dias 01 de agosto de 2016 até o dia 31 de agosto de 2016, impreterivelmente.

O resultado com os nomes dos selecionados e a programação para a Mostra de Filmes Imagens e Complexos será divulgado no site/facebook até o dia 09 de setembro de 2016.

DISPOSIÇÕES FINAIS

Ao realizar a inscrição o participante assume a responsabilidade por todos os direitos autorais, de imagem e de trilha sonora, e autoriza o uso da obra e das ações promocionais, sem ônus para a Mostra de Filmes Imagens e Complexos.

A produção da Mostra de Filmes Imagens e Complexos não se responsabiliza por eventuais danos ou extravios das obras enviadas, bem como por atrasos ou problemas decorrentes do processo de envio da empresa prestadora deste serviço.

A Mostra de Filmes Imagens e Complexos não disponibilizará passagens aéreas e terrestres para a equipe de realizadores das obras que forem selecionadas.

Não serão aceitas as obras enviadas após o prazo de inscrição.

Não serão aceitas obras que violemos direitos humanos e que contenham cenas de violência explícita.

Para maiores informações entre em contato através do email [email protected] ou através da nossa fanpage Imagens e Complexos.

Realização: Imagens e Complexos
Programa Favela Criativa: Secretaria de Estado de Cultura (SEC) – RJ
Parceria Institucional: Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (SEELJE) – RJ
Patrocínio: Programa de Eficiência Energética, ANEEL e LIGTH
Parcerias: TV Tagarela, Cine Manguinhos, Instituto Raízes em Movimento, Laboratório Territorial de Manguinhos (LTM) e Barraco Adentro
Promoção: Leia Cinema

Publicado em Artigos | Com a tag , , , , , , , , | Deixar um comentário

15ª Mostra do Filme Livre na Favela da Rocinha

Expandindo seu espaço de difusão, a Mostra do Filme Livre celebra a 15ª edição do festival levando para 24 Estados a proposta de democratização do cinema brasileiro através da ação Cineclubes Livres 2016.

Para participar dessa ação foram escolhidos 161 cineclubes, espalhados por 106 cidades, que juntos farão 331 sessões da Mostra – tendo como uma das metas superar o público de 2.700 expectadores da edição de 2015.

Habilitada pela sua prática de intervenção cultural junto à favela da Rocinha, a TV Tagarela foi escolhida para ajudar a difundir o cinema livre, estando responsável por realizar duas sessões na comunidade: Sessão de Premiados I e Sessão Mundo Livre. Continue lendo

Publicado em Artigos | Com a tag , , , , , , , , , , , | Deixar um comentário

Favela 3D: Jovens disputam imaginário popular

Campanha destaca a imagem da favela para “muito além do que se vê”

Favela 3D - Muito além do que se vê!

Já pesquisou a palavra “favela” no banco de imagens do Google? Logo na primeira página do site de busca, a tela do computador é ocupada por fotos e cenas de violência, pobreza, tráfico de drogas entre outras. A favela é apresentada majoritariamente, para moradores ou não, como um lugar de carência, um território essencialmente violento e perigoso. Para muitos, o Google sabe e mostra tudo. Será?

Idealizada pelos jovens da Escola Popular de Comunicação Crítica, projeto do Observatório de Favelas, a campanha Favela 3D pretende disputar o imaginário popular mostrando a favela como local de potência e favelados e faveladas como protagonistas da cidade, ampliando a perspectiva da favela, revelando a realidade para “muito além do que se vê”. Continue lendo

Publicado em Artigos | Com a tag , , , , , , , | Deixar um comentário

NÃO VAI TER GOLPE!

Manifestação pública da TV Tagarela repudiando o golpe em curso que fere o direito democrático dos brasileiros que acreditam no Estado de Direito.

No Brasil não se fala em outra coisa que não seja política. Seja numa roda de conversa e/ou nas redes sociais a pauta do assunto é essa. A rivalidade partidária dividiu o país, levando a acreditar que existe uma disputa entre o bem e o mal. Os discursos são radicais, sempre partindo da verdade absoluta de quem defende seu ponto de vista – como se fosse o único ângulo ou a única lente cultural pela qual se enxerga esse mundo diversificado.

De um lado os manifestantes do FORA DILMA – em sua maioria pertencentes a classe média alta – que atribuem ao Governo do PT a responsabilidade por toda corrupção do país; do outro, os manifestantes da classe popular que saíram em defesa da Presidente bradando que NÃO VAI TER GOLPE, por acreditar nas medidas sociais implantadas desde o primeiro mandato de LULA.

Nesse contexto, parece não existir caminho alternativo; se ponderar para um lado é taxado de coxinha, se para o outro é acusado de petralha – uma verdadeira sinuca de bico para quem discorda do governo e não apóia a oposição.

Contudo, a atual conjuntura política do país exige um posicionamento de quem acredita na Democracia. É por isso que a TV Tagarela vem a público manifestar sua insatisfação e afirmar que repudia esse processo de impeachment contra Dilma Rousseff, por entender que não existe crime de responsabilidade por parte da presidente.

A abertura e a forma como está sendo conduzido o impeachment configuram um processo golpista contra um Governo eleito democraticamente, que está sendo cassado por políticos acusados de cometerem delitos em diferentes casos de corrupção política – inclusive tendo como presidente da mesa nesse processo Eduardo Cunha, envolvido no escândalo da Lava-Jato.

Não vamos nos isentar de nossa responsabilidade enquanto movimento social favelado e nem silenciar nossa revolta com esse acontecimento que tende a retroceder nos avanços democráticos conquistados. Seguiremos na luta pelo Estado de Direito junto a classe popular engrossando o brado: NÃO VAI TER GOLPE.

Publicado em Artigos | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário

Eu também vou reclamar

Sob o fogo cruzado de amigos que defendem o PT e de outros que apoiam o impeachment, “eu também resolvi dar uma queixadinha porque sou rapaz latino-americano que também sabe se lamentar”.

A luta pelo poder que não obedece regras / Fonte: internet

Não tenho dúvidas que o PT está envolvido em corrupção e temos motivos suficientes para questionar o Governo… mas creditar toda corrupção do Brasil ao PT é sacanagem. Me assusta o curso maquiavélico que essa investigação está tomando: o fim justifica todos os meios obscuros para tirar o PT do poder.

Entre tantas coisas, é motivo de piada ouvir o clamor dos peemedebistas para o partido se afastar do Governo. Um showzinho para mídia mostrar a população que o partido que mais se beneficiou nessa roubalheira está revoltado com a corrupção.

Entre outros fatos, me causa questionamentos a polícia prestando continência para os manifestantes a favor do impeachment. Será essa a mesma polícia que trata com truculência professores e estudantes quando vão as ruas reivindicar por uma educação de qualidade ou contra o fechamento de Escolas? É a mesma polícia que agrediu e forjou flagrantes durante as manifestações de junho 2013 – inclusive quase cegando uma jornalista da Folha de S.Paulo com um disparo com bala de borracha?

E porque será que políticos ligados a oposição não são investigados, como o menino prodígio do PSDB que foi deletado ao menos quatro vezes nessa investigação????

O que me deixa desiludido é saber que não existe um movimento anticorrupção e sim anti-PT. As pessoas estão pouco se importando para o fato de Aécio ter recebido ou não propina na “lista de FURNAS” ou se o Governo do PSDB em São Paulo está envolvido com desvio da verba da merenda. Pior, parece não incomodar a possibilidade de um gente boa do PMDB como Cunha ou Michel Temer assumir o Palácio do Planalto, caso a Presidente renuncie ou sofra impeachment. Se o Governo do PT cair hoje, todos voltam conformados para suas casas para conviver harmoniosamente com a corrupção – que se faz presente na história desse país desde a época do Brasil colônia.

Gostaria que esse anseio por justiça fosse verdadeiro e que o povo estivesse nas ruas reivindicando a prisão de todos os políticos corruptos – não só do PT e dos partidos aliados. E que, principalmente, houvesse o comprometimento da população para erradicar o famoso “jeitinho brasileiro” que nos obriga a conviver cotidianamente com a corrupção na pequena e na grande esfera social.

*  Parafraseando o saudoso Raul Seixas no título do texto e na parte destacada entre aspas no primeiro paragrafo.

Publicado em Artigos | Com a tag , , , , , , | Deixar um comentário

Sabotage: Maestro do Canão na Rocinha

“Sabotage: Maestro do Canão” na Rocinha

Depois da repercussão positiva no ano de 2015 com o pré-lançamento no Auditório Ibirapuera em São Paulo – onde foi assistido por mais de cinco mil pessoas – e de percorrer por seis capitais com o Circuito Itaú de Cinemas alcançando mais de 30 mil expectadores; chegou a vez da Rocinha prestigiar o mito do hip-hop brasileiro através do filme SABOTAGE: MAESTRO DO CANÃO.

No dia 05 de março a Pracinha da Roupa Suja será palco onde a trajetória artística de Mauro Mateus dos Santos será exibida, resgatando o legado e a história que o consagraram como Sabotage – rapper imortalizado em suas letras ao cantar a realidade da periferia.

A sessão terá início às 19 horas num cenário perfeito para um encontro cultural dessa temática, sendo finalizado com uma roda de rimas puxada pelos rapper’s da Rocinha e seus convidados.

Realizado em parceria pelas produtoras 13 Produções e a Elixir Entretenimento, o documentário dirigido por Ivan 13P e produzido por Denis Feijão traz imagens inéditas de arquivo e depoimentos que colocará o público em sintonia com a força e o potencial deste talento brasileiro que em sua curta carreira foi além da música – tendo uma atuação marcante no cinema nacional, nos filmes “Carandiru”, de Hector Babenco, e “O Invasor”, de Beto Brant.

Sabotage: Maestro do Canão coloca em evidência a importância desse artista para a música brasileira que, mesmo após a sua morte há 13 anos, segue influenciando outros músicos pelo seu estilo e a sua expertise poética.

“Você quer saber o que é o RAP nacional? Sabotage. É o cara mais esperto, a poesia mais cortante e mais brilhante que você vai poder encontrar” (Paulo Miklos, vocalista do Titãs).

FILME

Filme disponível no iTunes no valor de U$ 14.99

Sabotage: Maestro do  Canão
Gênero: Longa-metragem Documentário
País: Brasil/2015
Direção: Ivan 13P
Produção: Elixir Entretenimento e 13 Produções
Duração: 114 minutos
Patrocínio: Itaú e Sabesp
CoProdução: Canal Brasil

www.facebook.com/sabotageomaestrodocanao
www.facebook.com/elixirentretenimento
www.facebook.com/13P13P

Assessoria: Vicente Negrão
[email protected]
Tels.: (11) 3060 8397 / 3064 2563
Biba Fonseca
[email protected]

EVENTO

Local: Pracinha da Roupa Suja – Rocinha
Data: 05 da março, às 19 horas
Coordenação: Fabiana
Produção: Camila Perez
Web e Criação: Cleber Araujo e Arley Macedo
Realização:TV Tagarela da Rocinha e Guilherme Rimas
Parceiros:Onda Carioca, 13 Produções, Elixir Entretenimento e RomaInfo.
Apoio: Região Administrativa da Rocinha – XXVII RA

INFORMAÇÕES

TV Tagarela: 3149-5794 (Cleber ou Camila)

Assessoria de comunicação:

Cleber Araujo ([email protected]) /98325-9857

Publicado em Artigos | Deixar um comentário

Instituto Pereira Passos seleciona jovens estudantes para participar de pesquisa na Rocinha

Agentes da TransformAÇÃO: conhecer para transformar

O Instituto Pereira Passos, em parceria com o Instituto TIM, realizará um processo seletivo para capacitar jovens estudantes com idade de 14 a 24 anos para participar do projeto de pesquisa “Agentes da TransformAÇÃO” na Rocinha.

Ao todo, serão 30 selecionados para realização de pesquisas domiciliares com objetivo de traçar o perfil socioeconômico da juventude da comunidade.

Além da oportunidade de conhecer com mais profundidade o território e contribuir para formulação de políticas públicas para a juventude, o jovem pesquisador receberá uma bolsa mensal, um certificado e uma carta de recomendação ao fim do projeto.

O Curso de capacitação e a pesquisa de campo começam em março e vão até julho. As inscrições estão abertas até o próximo dia 23 e podem ser feitas na sede da TV Tagarela, que fica no último andar do prédio do No Limite (Rua José Paulino da Silva 27/5º Andar – antiga Travessa Servidão Leste).

Para mais informações favor entrar em contato com os coordenadores locais:

Cleber Araujo – 98325-9857 (TIM) / [email protected]

Robson Melo – 98829-1610 (OI) / [email protected]

Camila Perez – 98325-4056 (TIM) / [email protected]

TV Tagarela – 3149-5794

Agentes da TransformAÇÃO

Local: Rocinha

Inscrições: 16 a 23 de fevereiro

Entrevista: 24 de fevereiro (quarta feira) na sede da TV Tagarela.

Realização: Instituto Pereira Passos e Instituto TIM

Apoio: Plataforma dos Centros Urbanos e Unicef

Publicado em Artigos | Com a tag , , , , , , , | Deixar um comentário

¿Cidade Maravilhosa?

¿Que cidade é essa
Há quem que convém
Obras faraônicas
Construídas pra quem?

¿Que cidade é essa
Que querem forjar
Removendo o pobre
Para o rico morar?

¿Que cidade é essa
Onde criança carente
Morre alvejada
Quando brincava contente?

¿Que cidade é essa
Onde favela pacificada
É recinto constante
Da guerra armada?

¿Que cidade é essa
Que querem promover
Um Rio para turistas
E não para o pobre viver?

Publicado em Artigos | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Analise Participativa do PAC Rocinha (2014)

Resultado de um projeto de pesquisa voltado para a análise participativa do PAC Favelas na Rocinha desenvolvido pelo Laboratório Territorial de Manguinhos (LTM) da FIOCRUZ, em parceria com a TV Tagarela e o Instituto Raízes em Movimento, esse vídeo traz um resumo da história da Rocinha, desde o surgimento dos problemas relacionados a infraestrutura com o crescimento populacional e falta de políticas públicas, passando pela elaboração do Plano Diretor da Rocinha e suas propostas de melhorias para esses problemas, finalizando com as intervenções do PAC Favela e seus impactos sobre a comunidade.

Publicado em Vídeos | Com a tag , , , , , , | Deixar um comentário